Candidatos e redes sociais: 5 dicas de como se comportar no ambiente online

4 min leitura

7 jan 2020
Compartilhar

Você pode estar se perguntando qual a relação entre candidatos e redes sociais. A resposta é: tudo! 

Isso porque os recrutadores pesquisam o perfil dos interessados em uma vaga de emprego, pois entendem que a forma como as pessoas se relacionam nas redes sociais reflete suas atitudes  também no trabalho.

Logo, estar atento ao comportamento no ambiente online é fundamental para construir uma imagem profissional positiva e conquistar a confiança dos recrutadores.

Se você quer saber como se comportar no ambiente online e garantir uma vaga, confira este artigo sobre candidatos e redes sociais com 5 dicas para colocar em prática hoje!

1. Cuidado com exposições desnecessárias

Fotos com roupas de banho, de lingerie, ou muito provocantes, devem ser evitadas. Claro que o final de semana na praia pode ser compartilhado com os amigos, mas busque fazer isso de forma a não se expor demais. 

Um alternativa é compartilhar as fotos nos grupos fechados ou usar os recursos de privacidade das redes sociais para se preservar.

O motivo para evitar expor fotos sensuais ou que mostrem demais seu corpo, é que elas revelam muito da sua intimidade, e isso é desnecessário, mesmo sendo uma rede social pessoal.

2.  Evite falar mal de pessoas ou empresas

Quando você fala mal de ex-empresas para a qual já trabalhou, do antigo chefe e de outras pessoas nas suas redes sociais, os recrutadores entendem que você pode repetir esse comportamento, e é nesse momento que a sua candidatura é descartada.

Além disso, é importante que você saiba que essa é uma atitude antiética, e que pode, inclusive, render um processo judicial. Logo, o melhor a fazer é evitar expor fatos e acontecimentos envolvendo antigas relações de trabalho, principalmente se você estiver no “calor do momento”, ou seja, emocionalmente instável.

3. Crie a sua identidade online

Procure criar um repertório positivo nas redes sociais, principalmente no LinkedIn. Poste artigos, replique acontecimentos que tenham a ver com a sua área de atuação. Isso mostra que você está atualizado e se interessa por tudo o que acontece na sua área.

Atitudes positivas elevam as chances de interação com candidatos e recrutadores, proporcionando uma troca de informações que pode beneficiar a ambos. 

Assim, divulgando ideias e acontecimentos relevantes, você pode influenciar as pessoas positivamente, gerando autoridade para a sua marca pessoal e profissional. Pense nisso!

4. Fale como falaria pessoalmente

Evite usar as redes sociais para desabafar e resolver desavenças. Na maioria das vezes, além de não conseguir contornar os problemas, isso impacta negativamente na sua imagem pessoal e também profissional.

Você não sai por aí jogando indiretas ao vento, certo? Por que fazer isso nas redes sociais? Procure ter uma atitude coerente e fale como falaria pessoalmente.

5.  Evite defender causas polêmicas

Ter opinião é uma ótima qualidade, mas usar as suas redes sociais para atacar religiões, pessoas, políticos e outras causas de cunho pessoal e ideológico, principalmente se você não tiver total compreensão acerca do assunto, pode gerar uma imagem negativa frente aos recrutadores.

O mesmo vale para comentários ofensivos no post de um amigo. O ideal é ser discreto, e para isso você pode evitar atitudes radicais, principalmente das opiniões contrárias às suas.

Dica de Ouro

A dica de ouro é sempre usar o bom-senso nas redes sociais, principalmente se você procura uma vaga, promoção ou mesmo se destacar no mercado de trabalho.

Como vimos ao longo deste artigo, estar atento à relação entre candidatos e redes sociais é fundamental para ter sucesso nos processos seletivos, já que os recrutadores analisam todas as movimentações dos candidatos no ambiente online. 

Se você gostou deste post sobre candidatos e redes sociais: 5 dicas de como se comportar no ambiente online, deixe seu comentário conosco!

Compartilhar

A plataforma que faz você economizar no investimento do seu tempo e dinheiro